Natal em Colônia, Alemanha
Alemanha Natal

Natal em Colônia, Alemanha

Nós custamos a decidir qual seria o destino do nosso primeiro Natal juntos morando fora… Pesquisamos muito, pensamos muito e no fim, escolhemos Colônia. Além de ser o primeiro Natal, ainda era o aniversário de 30 anos do maridão. Não poderia ter passado em branco!

 

Altstadt.
Altstadt.

 

Mas por que Colônia?

Depois de tantas pesquisas e vendo em tantos lugares que o Natal de lá é um dos mais tradicionais da Europa, resolvemos que nada seria melhor que isso. Os mercados de Natal da cidade são “exportados” para o mundo todo, inclusive Londres, que como eu disse em um post anterior, recebeu um deles na London Eye. Na prática, são montados cerca de 6 mercadinhos pela cidade, todos com muita comida, bebida e sempre uma linda e enorme árvore de Natal toda iluminada. O que decepciona é que eles são desmontados já na manhã do dia 24 de Dezembro, ou seja, na data mesmo nada funciona e a cidade vira quase uma cidade-fantasma… E para nós, que chegamos no dia 23, quase não deu tempo de aproveitar. Todos estavam extremamente lotados, difícil até de andar e pra piorar, ainda começou a chover forte! O mais engraçado de tudo foi ouvir “Ai, Se Eu Te Pego” lá no meio da bagunça.

 

Mercadinho de Natal mais lindo de Colônia. Só desconsiderar essa van no canto esquerdo =/
Mercadinho de Natal mais lindo de Colônia. Só desconsiderar essa van no canto esquerdo =/

 

A cidade é pequena, bonitinha, limpa e cheia de catedrais. Colônia é conhecida por ser a cidade das 12 Catedrais Romanescas, uma maior e mais bonita que a outra por fora, já por dentro, não são lá muito marcantes. A atração mais famosa e importante da cidade, tida como seu marco principal é a Catedral de Colônia, ou Dom. Entre várias interrupções, a Catedral demorou cerca de 600 anos para ser concluída e em 1880, quando finalizada, era considerada o prédio mais alto do mundo. Na Segunda Guerra Mundial ela recebeu 14 ataques por bombas aéreas e não caiu, tendo sua reconstrução sido terminada em 1956. Ela fica bem ao lado da estação central de trem e praticamente de qualquer ponto é possível enxergar pelo menos as pontinhas dela. Esta é a “Rainha das Catedrais Alemãs” por ser a maior da Alemanha e sua visitação é gratuita. Andando para qualquer lado, você encontra as outras catedrais com facilidade. Elas ficam normalmente próximas umas das outras e pela cidade existem algumas plaquinhas indicativas com a direção e o nome delas (coloquei foto de duas das mais bonitas pelo post).

 

Dom.
Dom.

 

Uma atração pouco conhecida e interessante, é o prédio Köln Triangle. Este é um edifício comercial, mas qualquer um pode subir até o 28º andar pagando 3 euros (ou 5 euros para duas pessoas). A vista é linda e de lá, pode-se ver a cidade inteira praticamente. Para chegar, basta apenas atravessar a ponte bem em frente à Catedral de Colônia e aproveitar para se divertir vendo milhares de cadeados coloridos presos nas grades. Nunca vi tanto cadeado na vida, e mesmo sendo moda na Europa fazer essas grades de cadeados, creio que a de Colônia é a maior de todas.

 

 

Apesar de estar fechado no dia 24 e 25 e nós não termos entrado, um dos museus mais conhecidos de Colônia é o Museu do Chocolate, que também conta com uma enorme loja de chocolates. Uma grande decepção foi não ter conseguido visitar a Zona Arqueológica/Museu Judeu, que também estava fechado.

 

Catedral St Aposteln.
Catedral St Aposteln.

 

Ainda é possível fazer passeios de barco pelo rio Reno, compras na rua Neumarkt ou no Neumarket-Galerie (dizem ser melhor fazer compras em Colônia do que Londres, por exemplo) ou passear pelo bairro de Altstadt. Esta é a região em que ficamos hospedados, e que durante a Segunda Guerra Mundial, ficou completamente destruído. Hoje em dia ele não é parecido com o original, mas sua reconstrução ficou bem lindinha com todas as casinhas coloridas em estilo alemão e a mais linda de todas as catedrais, Groß St. Martin.

 

Newmarket.
Newmarket.

 

Todo o meu sofrimento antes, achando que meu primeiro Natal sem a minha família seria um terror, acabou sendo em vão. A data passou como se fosse um dia qualquer, jantamos uma comidinha alemã bem gostosa no restaurante do próprio hotel Löwenbräu Köln e fomos dormir cedo. Senti falta da ceia de Natal gostosa, da barulhada na casa e da minha família, claro, mas acabei me distraindo e a data passou bem rápido. O tempo foi curto, já que quase tudo ficou fechado nos dias 24 e 25, então as dicas são poucas. Já no dia 26 nós partimos para o próximo destino (e próximo guia): Natal em Praga.

 

Catedral Groß St. Martin.
Catedral Groß St. Martin.

HOTEL EM COLÔNIA

Löwenbräu Köln

O hotel fica localizado em Altstadt, de frente para o Rio Reno e a menos de 5 minutos da Catedral e da estação central. Além de ser extremamente bem localizado, achei o quarto confortável e o café da manhã bem gostoso e variado. Ao chegar a gente estranha, pois o hotel fica em cima de um restaurante (que é do hotel mesmo) e nós temos que entrar por ele até chegar na recepção que fica no segundo andar. Ser estranho depois acabou se transformando em uma bela surpresa, já que a comida desse restaurante é maravilhosa! Muito gostosa e o prato é enorme, além de não ser tão caro. Nós passamos o Natal lá em 2012 e nossa ceia foi no próprio restaurante do hotel.

Veja também

Os melhores mercados de Natal na Europa

Natal e Reveillon em Moscou

Os 7 melhores países para passar o Natal na Europa

Natal em Londres

Natal na Bélgica: Antuérpia, Bruges, Bruxelas e Gent

Disqus shortname is required. Please click on me and enter it

13 Comments

  1. Carol

    Estou pensando em passar o Natal em Colonia este ano! Qual dia vc recomenda mais? 24 ou 25? e quais atrações estão abertas nestes dias? Sei q o museu do perfume e do chocolate não abrem, né? OBRIGADA!

    04/07/2016 Responder
    • Luiza Ferrari

      Carol,

      quase nada abre em nenhum dos dois dias.
      Esses museus não abrem mesmo não… Que eu me lembre só algumas igrejas ficam abertas também – e claro, a Catedral fica aberta). Nós não tentamos entrar em muita coisa (tudo o que vimos está no post), então não sei te dizer o que mais abre ou não. Normalmente nada abre nesses dias, no caso de Colônia nem os mercadinhos de Natal ficam abertos depois do dia 23.
      Tente olhar nos sites das atrações que você tem interesse, sempre tem essa informação lá.

      05/07/2016 Responder

LEAVE A COMMENT