Como tirar visto para o Japão no Brasil e em Londres – 2023
Japão

Como tirar visto para o Japão no Brasil e em Londres – 2023

*Atualizado em Março de 2023

A primeira coisa a saber é que brasileiros precisam de visto para o Japão. Mas pode ficar calmo, pois o processo é bastante simples tanto no Brasil quanto em Londres, e não custa caro como outros vistos (por exemplo, o visto da China se você for ficar mais de 72 horas). Não é necessário fazer entrevistas nem nada do tipo, basta preencher corretamente alguns formulários e fornecer cópias de documentos ao consulado mais próximo de sua casa ou à Embaixada do Japão.

Brasileiros que tenham passaportes europeus, normalmente não precisam de visto, mas é necessário confirmar se sua nacionalidade permite a isenção da taxa ou não.

O passo a passo aqui descrito, serve para o visto de turismo de curta permanência, que pode ser usado para viagem de lazer, visita a parentes, congressos, negócios ou para conexões em aeroportos japoneses. Este tipo de visto não permite que a pessoa exerça atividades remuneradas no Japão.

 

Como tirar visto para o Japão no Brasil

*Atualização em Março de 2023

Brasileiros que querem visitar o Japão acabam de ter a vida facilitada: agora é possível solicitar o visto de turista pela internet! Antes, o procedimento devia ser feito no consulado ou na embaixada do país (conforme descrito abaixo). Agora, se depois de dar entrada na solicitação de visto para o Japão a entrada for autorizada, o viajante receberá a emissão do visto eletrônico.

A medida com o procedimento online é para os vistos de curta permanência, que podem ser solicitados pelo site Japan eVisa (em inglês), segundo o Consulado do Japão.

É importante dizer que os turistas que receberem o visto eletrônico terão que apresentar a autorização no aeroporto. Para isso, será necessário fazer o login no site do Japan eVisa pelo celular e mostrar o documento às autoridades. Capturas de tela, impressões do documento ou arquivos em PDF não serão aceitos para entrar no país. Para não passar aperto nessa hora, confira o texto Internet no Japão: wi-fi grátis existe? Devo alugar um pocket wi-fi?.

O visto eletrônico em questão, de turismo e curta permanência, permite ficar no Japão por até três meses (90 dias) a partir do dia seguinte à data de emissão.

Como regra geral, os vistos são emitidos em até 5 dias úteis após a apresentação de todos os documentos exigidos. De todo modo, é interessante se programar com antecedência, pois o governo pode pedir documentos complementares e isso pode atrasar o procedimento, mas não se adiante TANTO a ponto de perder o prazo de 90 dias de validade do visto.

Apesar da comodidade de poder solicitar o visto na sua casa e enviar todos os documentos pela internet, quem mora no Brasil ainda precisa ir até o consulado ou embaixada mais próximo para pagar a taxa do visto eletrônico em dinheiro, no valor de R$ 150. No Brasil, os órgãos estão em Brasília, Belém, Curitiba, Porto Alegre, Manaus, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo (confira aqui os sites de cada um).

As demais modalidades de visto continuam exigindo que a solicitação do documento seja feita na Embaixada do Japão ou Consulado Geral do Japão no país/região do turista.

 

Como tirar visto para o Japão

 

1. Formulário de solicitação + foto

A primeira coisa a se fazer é a solicitação formal do visto, direto no site da Embaixada do Japão ou de um dos consulados (cada consulado tem um site diferente para sua cidade). Para facilitar sua vida, basta clicar neste link e baixar o formulário em pdf, não precisa nem ficar procurando no site. 😉

Nesta solicitação, é necessário incluir uma fotografia de 4,5 por 4,5 atual (tirada há no máximo 6 meses), com fundo branco e sem data. Também são aceitas fotos 3X4. Assim como em qualquer outro documento, a cabeça e o rosto não podem estar tampadas por chapéus, lenços ou óculos, exceto por motivos religiosos.

Preencha com letra de forma legível ou digite e depois imprima o formulário ali de cima com os dados pessoais solicitados e as informações da viagem. Coloque a data e assine do mesmo jeito que assinou seu passaporte, não se esqueça disso!

 

Como tirar visto para o Japão
Exemplo de formulário de solicitação de visto para o Japão.

 

2. Documentos

Para dar entrada no pedido, certifique-se de que tem os seguintes documentos:

  • Passaporte válido (e os passaportes anteriores caso tenham algum visto japonês)
  • Formulário impresso da SOLICITAÇÃO DE VISTO PARA ENTRAR NO JAPÃO (o do item 1 ali em cima)
  • Uma foto 4,5 X 4,5 (ou 3X4) recente
  • Reserva de passagem de ida e volta
  • Cópia autenticada da carteira de identidade (SSP)
  • Cópia da declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (todas as páginas, inclusive o recibo de entrega)
  • Documentos que comprovem a finalidade da viagem. Os documentos mudam de acordo com a finalidade da viagem, veja exemplos dos mais comuns abaixo:

 

Como tirar visto para o Japão – NEGÓCIOS:

Carta da Empresa (modelo aqui) detalhando o motivo da viagem, relacionando nomes completos como no passaporte, telefones e endereços das empresas a serem visitadas e mencionando o responsável pelo custeio das despesas.

 

Como tirar visto para o Japão – TURISMO:

Cronograma da viagem (modelo aqui). O roteiro completo deve ser escrito pelo próprio requerente, no modelo da Embaixada ou caso você esteja indo com pacote de agência, pode ser anexado algum panfleto ou comprovante do roteiro. Não tem muito mistério: basta colocar as cidades a serem visitadas, o que você pretende visitar em cada cidade (seja o mais específico possível), as datas e os nomes dos hotéis onde você vai se hospedar.

 

Como tirar visto para o Japão
Exemplo de cronograma de viagem.

 

 

3. Pagamento da taxa

Valores da taxa de emissão válidos até 31 de Março de 2019:

  • Visto de uma entrada: R$86,00
  • Visto de dupla entrada: R$171,00
  • Visto de múltiplas entradas: R$171,00

O pagamento da taxa deve ser feito no momento da solicitação do visto na Embaixada ou Consulado, em dinheiro, no guichê do Setor de Visto.

 

4. Como solicitar

Tendo todos os documentos em mãos, vá até a Embaixada ou Consulado mais próximo de sua casa para fazer a solicitação. O tempo de análise para vistos de curta permanência ou de trânsito é de normalmente dois dias – mas é bom tirar um tempinho antes de sua viagem, caso dê algum problema ou precisem de mais documentos seus.

Para dar entrada ou retirar o visto, é obrigatória a presença do próprio requerente. Caso não seja possível comparecer, apenas familiares em primeiro grau (pais, irmãos e cônjuges) munidos de documentação que confirme o parentesco ou representante com procuração, podem retirar o visto em nome de outras pessoas. O visto também pode ser solicitado por meio de agência de viagens cadastradas junto ao Consulado ou Embaixada.

 

Vai para o Japão? Não se esqueça de reservar o JR Pass com antecedência

 

Como tirar visto para o Japão em Londres

O processo é bem similar, mas acredito que aqui sejam um pouco mais rigorosos. O André precisou tirar visto nas duas vezes e da última, precisou fornecer os últimos três comprovantes de salário dele com um extrato da conta para comprovar que ele podia pagar pelas despesas da viagem. Não vi nenhum lugar que descrevia o processo no Brasil, falando sobre isso (mas fica aqui a dica para você levar comprovantes também).

Para poder tirar o visto para o Japão em Londres (na verdade qualquer visto para outros países), é preciso comprovar que você tem o direito de morar aqui legalmente, ou seja, você precisa levar também seu cartão de visto (ou visto no passaporte). Vale ressaltar que não são aceitos vistos de turismo ou estudos, apenas de residência permanente, como visto de trabalho ou familiar de europeu.

Não é preciso marcar horário, a análise dos documentos é feita na hora e normalmente o visto fica pronto em uma semana.

Para saber mais informações e baixar os formulários, basta entrar no site da Embaixada do Japão em Londres.

Veja também

Brasileiros têm 72 horas na China sem visto: como funciona?

Disqus shortname is required. Please click on me and enter it

Deixe uma resposta


VOCÊ PODE GOSTAR