Islândia – Golden Circle
Islândia

Islândia – Golden Circle

Golden Circle é o nome da excursão mais famosa e mais procurada da Islândia. Um percurso de aproximadamente 300km feito em um dia (são 8 horas de tour), que cobre algumas das atrações mais interessantes do país. É do tipo que se você tem apenas um dia disponível no país, é isso que tem que fazer, seja no verão ou no inverno! Nós demos sorte e no dia escolhido para o passeio, fez sol e até um calorzinho bem agradável. São basicamente três pontos principais visitados, mas todos eles são extremamente impressionantes e imprescindíveis em qualquer viagem feita pra lá (prepare-se para muitas fotos):

ÞINGVELLIR NATIONAL PARK (também pode ser chamado de Thingvellir, já que a letra “Þ” tem som de TH)

 

O Parlamento é esse à esquerda.
O Parlamento é esse à esquerda.

 

A primeira parada foi no Parque Nacional Thingvellir, que está situado na região de Blaskogabyggd no sudoeste da Islândia, perto da Peninsula de Reykjanes e a área vulcânica de Hengill. O parque é um vale, onde no ano de 930, o primeiro parlamento do mundo foi fundado. Foi também onde foi proclamada a independência do país, em 1944, após muitos séculos de dominação da Noruega-Dinamarca. A guia disse algumas vezes que este é um lugar sagrado para todos os islandeses, e se já não bastasse o peso histórico, o lugar ainda é simplesmente maravilhoso!

 

thingvellir-islandia-iceland-3thingvellir-islandia-iceland


 

GULLFOSS

Parte da cachoeira Gullfoss e o arco-íris à esquerda.
Parte da cachoeira Gullfoss e o arco-íris à esquerda.

 

A segunda parada foi na cachoeira Gullfoss (foss em islandês já significa cachoeira ou queda d’água), conhecida como “Golden Fall” ou Queda de Ouro. Esta é a maior cachoeira da Europa e é tão bonita que deixa qualquer um sem fôlego e de boca aberta. Como nós fomos no inverno, algumas partes dela estavam congeladas, formando uma moldura de gelo maravilhosa. Pelas fotos que vi durante a pesquisa da viagem e vendo pessoalmente, posso dizer que a cachoeira fica muito mais bonita no inverno! Nos dias de sol, é possível ver um arco-íris que aparece por cima da queda e nós demos essa sorte! Apareceu bem fraquinho, mas apareceu e foi lindo demais ver isso tudo de perto. Pelo video dá pra se ter uma amostra da grandiosidade desta cachoeira (saiu sem som, porque os lerdos não notaram que a câmera estava no modo mudo).

 

Linda cachoeira com a moldura de gelo.
Linda cachoeira com a moldura de gelo.
A água verdinha com a parede de gelo na frente.
A água verdinha com a parede de gelo na frente.

 

 

 

 

 

 

 

 

VALE GEOTÉRMICO HAUKADALUR

 

geyser-islandia-iceland-strokkur

 

Também muito conhecido apenas como Geyser, o ônibus passou por ele antes de ir para a Gullfoss e de lá de dentro, já dava pra ver várias fumacinhas subindo. Esta foi a última parada “oficial” do Golden Circle. Neste vale, está o Geyser oficial, de onde surgiu o nome, o “Grande Geysir”. Este, infelizmente anda meio inativo e só explode raramente. Perto dele está o geyser Strokkur, que explode toda hora, sem intervalo de tempo pré-determinado (mas entre 3-10 minutos aproximadamente). É muito legal ver desde a água borbulhando, até a bolha enorme se formando e finalmente, como um grande espirro, a explosão que alcança uma altura impressionante!

 

O Grande Geysir só soltando fumaça – este é o Geyser oficial.
O Grande Geysir só soltando fumaça – este é o Geyser oficial.
Os outros geyseres soltando fumaça (incluindo o Litli-Geysir).
Os outros geyseres soltando fumaça (incluindo o Litli-Geysir).

 

 

 

 

 

 

 

 

Leia + Aurora Boreal na Islândia

 

Ainda, no meio do caminho paramos para ver de pertinho os cavalos islandeses lindos e diferentes – que parecem pôneis – e são super fofinhos e dóceis! Dá vontade de trazer um pra casa!

 

Os cavalinhos mais fofos do mundo!
Os cavalinhos mais fofos do mundo!

 

Fora estas paradas oficiais, nós também paramos em uma cachoeira que eu não consigo lembrar do nome (só lembro que tinha a ver com “cavalo”), mas não era tão bonita. Visitamos também a Igreja Skálholt, uma vila de estufas chamada Hveragerði e o mais interessante: Kerið, que é um lago em uma cratera vulcânica, sem uma explicação certa em relação à sua criacão.

 

Kerið (Kerid)
Kerið (Kerid)

 

Nós fizemos o circuito pela companhia Extreme Iceland e adoramos a empresa! A guia – minha “chará” – contou várias curiosidades no percurso inteiro, tudo super organizado e pontual e feito em um ônibus novinho em folha.

Nós na Gullfoss.
Nós na Gullfoss.
Nós no Thingvellir Park.
Nós no Thingvellir Park.
Nós na frente do geyser Strokkur.
Nós na frente do geyser Strokkur.


HOTEL NA ISLÂNDIA

CenterHotel Klöpp

Hotel muito, muito, muito bom! Mega bem localizado bem no centro da cidade e a 5 minutos da Igreja. Dizem que dependendo da força, dá até pra ver a Aurora Boreal da janela do quarto (e eles te avisam caso isso aconteça e você permita o aviso). Todo novinho, quartos grandes e confortáveis e o café da manhã era muito bom. O atendimento foi excelente – acho que em um dos posts eu comentei que esqueci meu celular em cima da mesa do café e eles guardaram tudo direitinho. Assim que eu cheguei a menina já sabia que era meu até 🙂

Recomendadíssimo e na época ainda era o hotel mais barato (por uma semana, nós pagamos cerca de £200).

 

 

OUTROS POSTS SOBRE A ISLÂNDIA:

– Reykjavik
– Aurora Boreal na Islândia
– Golden Circle
– South Shore (Seljalandsfoss, Skógafoss, Vík, Fjaðrárgljúfur)
– Skaftafell Glacier Walk + Jökulsárlón
– Dirigindo na Islândia
Dicas e curiosidades
– Islândia – Lava Cave + Blue Lagoon

Veja também

Islândia – Dicas e Curiosidades

Dirigindo na Islândia

Islândia – Glacier Walk + Jökulsárlón

Islândia – South Shore (Seljalandsfoss, Skógafoss, Vík)

Islândia – Lava Cave + Blue Lagoon

Disqus shortname is required. Please click on me and enter it

08 Comments

  1. Boia Paulista

    Oi, Luiza. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia

    19/04/2013 Responder
  2. Ana Silvia Mota

    Oi Luiza, muito interessante o post….fotos muito bonitas….Dá vontade de ir também.
    Ana Sílvia.
    PS: cheguei aqui através do “Viaje na Viagem”.

    22/04/2013 Responder
    • Luiza Ferrari

      Ei, Ana Silvia.
      Muito obrigada pela visita e pelos elogios. Fiquei bem feliz! 😉
      Espero que você volte mais vezes pra conferir as novidades.

      22/04/2013 Responder
  3. Eduarda Boufleuher

    gostei muito da matéria… gostaria de saber quanto vocês gastaram para fazer o tour

    26/10/2014 Responder
    • Luiza Ferrari

      Eu nao lembro exatamente, Eduarda… =/
      As excursões lá são um pouco caras e no link da empresa (no fim do post) tem todas elas com os detalhes. 🙂

      27/10/2014 Responder
  4. Audrey Duarte

    Olá!!!!!! Adorei o seu post! Gostaria de fazer o mesmo passeio que você fez, foi o CLASSIC????

    Bjao

    18/11/2014 Responder
    • Luiza Ferrari

      Oi, Audrey!
      Não tinha isso de “classic” quando eu fiz… Foi uma de dia inteiro que passava por todos os pontos que eu coloquei no post.
      Bjinho.

      19/11/2014 Responder

LEAVE A COMMENT