O Que Fazer em Madrid e Toledo, Espanha
Espanha

O Que Fazer em Madrid e Toledo, Espanha

Plaza Mayor.
Plaza Mayor.

 

Ficamos 3 dias na cidade, um calor dos infernos e os dois já mega cansados… Não sei se tudo isso contribuiu ou se realmente eu não gostaria da cidade em outra situação. O André já conhecia e também não gostava muito. Acho que Madrid é uma cidade mais tranquila, a grande maioria da população é gente mais velha e as atrações não são tão legais quanto as de Barcelona. Mas sim, é uma cidade bonita, limpinha, organizada e segura. No último dia, encontramos um restaurante do tipo do que falei antes, mas era 10 euros com comida e bebida liberada + sobremesas. Infelizmente não me lembro o nome do lugar, mas sei que era perto da Plaza Mayor, numa ruazinha cheeeeia de restaurantes. Aqui vão as dicas de o que fazer em Madrid e dos passeios que eu mais gostei:

 

Bondinho/Teleférico

bondinho-madrid

 

Esse bondinho é sensacional! Enquanto você sobre, o “teleférico” vira um personagem e vai narrando tudo o que se vê. É muito engraçada a voz que colocaram e ao longo do percurso, ele vai apresentando os outros “colegas” que são os outros pontos que se vê durante a subida. A gente se divertiu muito rindo das vozes e dos personagens, mas a vista é realmente bem bonita e por isso vale o ingresso.

 

Parque del Retiro + Palácio de Cristal

Parque del Retiro.
Parque del Retiro.

 

Este é um dos principais parques da cidade e conta com uma infinidade de estátuas, fontes e monumentos comemorativos que foram povoando os jardins e o transformaram num museu de escultura ao ar livre. O destaque vai para o Palácio de Cristal (que parece mais uma estufa do que um palácio), que fica no meio do parque e junto de seu lago artificial, é o ponto mais importante do parque.

 

Palácio de Cristal.
Palácio de Cristal.

 

Templo de Debod

templo-debod-madrid

 

Agora sim, o mais interessante de Madrid (pelo menos pra quem, como eu, ama essas coisas do Egito)! *wikipedia infos*

O Templo de Debod constitui em um dos poucos testemunhos arquitectónicos egípcios completos que podem ser contemplados fora do Egito e o único destas características existente na Espanha. Construído no século IV a.C., até há apenas algumas décadas situava-se no sul do Egito. Em 1961, devido à construção da nova represa de Assuão, as suas pedras foram desmontadas e depositadas na ilha Elefantina até o seu posterior traslado ao porto de Alexandria. Em 1968, o templo foi doado a Espanha pelo Estado egípcio em agradecimento pela ajuda prestada ao salvamento dos templos de Abu Simbel. Uma vez transferido a Espanha, pedra por pedra, o templo foi exposto a um complicado trabalho de reconstrução e restauração. Estes trabalhos incluíram a instalação no seu interior de ar condicionado quente para criar uma atmosfera seca que se aproximasse do clima de Núbia. Para representar o rio que teve o templo nas suas proximidades, construiu-se um tanque de pouca profundidade que se estende ao longo dos três portais de acesso ao templo.

 

Entrada de Toledo.
Entrada de Toledo.

 

Em um dos dias, resolvemos ir até a cidade de Toledo, que era a capital da Espanha antigamente e a cidade de Dom Quixote de la Mancha. Passamos algumas horas lá, estilo “vapt vupt” mesmo, porque mais tarde iríamos ao Rock in Rio (tcharãm, o motivo de toda a viagem pela Espanha). Então sobre Toledo eu infelizmente não tenho muito o que dizer, fora que vale à pena visitar. A cidade é uma graça! Quando chegamos quase tudo estava fechado… Eu achava que era lenda isso de “ciesta“, mas eles fazem mesmo, principalmente em Madrid e Toledo! Dá duas horas da tarde e praticamente tudo fecha! E fecha por no mínimo 2 horas! Inclusive quando fomos ao teleférico, chegamos era mais ou menos 14h e a moça que vendeu o bilhete avisou que a gente só poderia voltar depois das 16h, porque eles iriam fechar durante esse tempo!

Catedral de Toledo por fora.
Catedral de Toledo por fora.
Catedral de Toledo por dentro.
Catedral de Toledo por dentro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bom, voltando a Toledo. A única coisa que conseguimos ver e demoramos um tempão lá dentro, foi a Catedral de Toledo. Dizem que é a catedral mais bonita do mundo e realmente é bem bonita, principalmente por dentro…

É óbvio que nós vimos várias outras coisas lindas e interessantes, mas esses foram os pontos que eu mais gostei das cidades. Vale visitar também:

 

HOTEL EM MADRID

Confortel Pio XII

O hotel era novinho e muito bom, café da manhã gostoso, mas um tanto quanto afastado de tudo. Até a estação de metrô mais próxima ficava a uns 10 minutos de distância. Mesmo assim, recomendo por ter sido um hotel bom sem problema nenhum e andar um pouquinho não faz mal a ninguém. 😉

 

No próximo post: Ilha de Malta, um Paraíso na Terra! 🙂

Veja também

gaudí em barcelona: sagrada familia

Gaudí em Barcelona: um roteiro por suas obras

Lanzarote: El Golfo e Los Hervideros, dois passeios fascinantes.

As Praias de Lanzarote, Espanha

Os 6 Centros Turisticos de Lanzarote (parte II)

Os 6 Centros Turisticos de Lanzarote, Espanha

Disqus shortname is required. Please click on me and enter it

02 Comments

LEAVE A COMMENT