O que fazer no Egito: 10 cidades que você deve conhecer
Egito

O que fazer no Egito: 10 cidades que você deve conhecer

O Egito é daqueles países que aparece na lista de desejos da maioria dos viajantes, que sonham em ver de perto as Pirâmides de Giza, os hieróglifos, tumbas e múmias de faraós, a Esfinge, entre tantas outras coisas. Mas além do Cairo, você sabe onde mais ir e o que mais incluir em seu roteiro?

 

O que fazer no Egito: 10 cidades que você deve conhecer

 

1. Old Town, Cairo

 

o que fazer no egito

 

Muita gente visita o Cairo apenas para ir até as Pirâmides ou ao Museu Egípcio, mas existe muito mais a ser visto na cidade. A parte antiga do Cairo é maravilhosa, com suas mesquitas, igrejas, sinagogas e fortalezas. O centro histórico do Cairo faz parte dos Patrimônios da UNESCO e inclui a Mesquita de Ibn Tulun e al-Hakim, os mercados e becos e alguns mausoléus. Uma vez no Cairo, não deixe de ver as Pirâmides e fazer um cruzeiro pelo Rio Nilo, duas coisas importantes na lista de o que fazer no Egito.

 

2. Siwa

 

o que fazer no egito
The Temple of Ammun | © Thom Chandler/Flickr

 

Siwa é um oásis no deserto, perto da divisa com o Líbano. Um lugar que parece uma miragem, com os coqueiros e oliveiras que saem diretamente da areia. A história de Siwa começa no Século 10 A.C, quando o Templo de Amun foi criado ali. Hoje ainda é possível ver os restos do Templo e a Fortaleza de Shali com seus becos em labirinto e mesquitas.

 

3. Aswan

 

o que fazer no egito

 

A cidade fica ao redor do Rio Nilo, coração do Egito. Ao longo das margens do rio estão os penhascos de pedra e as pedreiras que proporcionaram aos faraós o material para construir seus grandes monumentos. Os locais a serem vistos em Aswan incluem o antigo souk e o Jardim de Kitchener, uma ilha no Nilo que agora abriga o Jardim Botânico de Aswan. Por barco ou camelo, você pode chegar ao belo mosteiro abandonado de São Simeão.

 

4. Al-Qasr

Al-Qasr é uma cidade medieval construída pelos otomanos no fundo do deserto ocidental que faz parte do oásis de Dakhla. O Oasis de Dakhla é constituído por uma série de pequenas cidades e mais de 500 fontes termais, mas Al-Qasr é a mais impressionante delas. Em árabe, simplesmente significa “o castelo”, e foi a capital medieval do oásis, construído em grande parte no século 12 pelos otomanos nas ruínas de uma cidade romana. Suas belas casas de tijolos de barro, algumas delas com mais de mil anos, têm inscrições em suas portas tiradas do Alcorão. Entre o labirinto de becos, você pode encontrar muitas lojas de artesanato tradicionais, incluindo um ferreiro, uma prensa de azeitona e fábricas de trabalho.

 

5. Faiyum

 

o que fazer no egito
Whale Valley | © Faiyum/Wkimedia Commons

 

Faiyum é uma das cidades mais antigas do Egito, habitada desde os tempos faraônicos e conhecida pelos gregos como Crocodilópolis, pois os habitantes locais adoravam um crocodilo sagrado. A cidade em si está cheia de souks e locais tradicionais, incluindo a Mesquita Suspensa e a Mesquita Qaitbay – raridades curiosas no Egito e no mundo islâmico, já que foram construídas sem minaretes. Uma das principais áreas de Faiyum é a que rodeia a própria cidade, o chamado Vale das Baleias em Wadi al-Hitan. Este lugar é Patrimônio Mundial e possui uma paisagem espetacular, sendo o local da descoberta de centenas de fósseis pertencentes a formas iniciais de baleias, tubarões e crocodilos. Esqueletos inteiros de baleias podem ser vistos nas areias em torno de Faiyum.

 

Leia também:

Sharm el Sheikh
Bate-e-volta: de Sharm el Sheikh ao Cairo em um dia
Viagem para o Egito: impressões e dicas práticas

 

6. Wadi El-Natrun

 

o que fazer no egito
Deir as Suriani | © Wadi Natrun/WkiCommons

 

Wadi El-Natrun está longe de ser uma cidade típica. Tem uma coleção de belos e antigos locais monásticos cristãos reunidos no deserto entre o Cairo e Alexandria. Na história cristã, Wadi El-Natrun é conhecida como ‘Scetes’. No século IV, muitos cristãos chegaram a esta desolada região desértica para escapar da corrupção que viram nas cidades do Egito. Eles se tornaram eremitas ou agrupados em mosteiros para se dedicar ao culto de Deus. São Macário foi o líder de milhares de cristãos que vieram aqui. Com o tempo, eles tiveram que construir torres, muros e defesas para proteger as igrejas e mosteiros de invasores bárbaros. Antigamente existiam mais de cinquenta mosteiros na região e hoje existem apenas quatro, que fazem parte do Patrimônio Mundial da UNESCO.

 

7. Luxor

 

o que fazer no egito

 

Luxor, a cidade dominada pelas incríveis ruínas da era faraônica, não pode ser esquecida nem nessa lista e nem deixada de ser visitada. A cidade mais impressionante que visitamos em nossa visita ao Egito, abriga algumas das construções mais incríveis do mundo. Nas margens do Nilo, no sul do Egito, Luxor já foi a antiga cidade de Tebas, a capital do Alto Egito durante a Era dos Faraós. Hoje é conhecido como o “melhor museu ao ar livre do mundo”, que abriga muitos dos cenários mais deslumbrantes de todo o Egito. Você pode explorar locais como os complexos do Templo de Karnak e Luxor, os templos dos grandes Faraós Ramesses II e III e, do outro lado do Nilo, fica o Vale dos Reis onde estão as tumbas dos grandes faraós egípcios.

 

8. Qasr al-Farafra

 

o que fazer no egito
White Desert | © neiljs/Flickr

 

Outra cidade tradicional de tijolos de barro, Qasr al-Farafra está cercada por palmeiras e dominada por sua antiga fortaleza construída pelos romanos há dois mil anos para proteger a rota de comércio de caravanas que parou aqui. A cidade, que abriga cerca de 5.000 pessoas, ainda conta com indústrias tradicionais, como fiação de lã e casas de chá, e tem visto pouco desenvolvimento moderno. Na depressão de Farafra no deserto ocidental, a cidade também está ao lado de um dos parques naturais mais impressionantes do Egito, o chamado Deserto Branco com suas magníficas formações de giz e estranhas rochas brancas misturando-se com as areias.

 

9. Alexandria

 

o que fazer no egito

 

A segunda cidade do Egito, Alexandria, fica na costa do Mediterrâneo e é a atmosfera mais européia com amplos espaços e belos jardins abertos. Fundada por Alexandre o Grande em 331 aC, a cidade era um centro da civilização grega e abriga o farol de Pharos, uma das maravilhas do mundo antigo. Nas margens do Mediterrâneo, você encontrará a espetacular Cidadela de Qaitbay e a Praia de Maamoura, freqüentada pelos ricos e poderosos. Depois, há os belos Jardins Shallalat, os palácios Montaza e Ras el-Tin, o Palais d’Antoniadis e a moderna Bibliotheca Alexandriana.

 

10. Sharm el Sheikh e/ou Hurghada

 

o que fazer no egito
Hurghada

 

Sharm el Sheik e Hurghada são duas regiões litorâneas às margens do Rio Vermelho, muito bonitas e procuradas por turistas que buscam descanso nos grandes resorts na beira da praia que elas oferecem. Sharm é considerada um tanto quanto artificial, feita apenas para atrair tais turistas e Hurghada é a segunda maior cidade do Egito. A partir de ambas é possível agendar passeios para conhecer as principais cidades do país, como o Cairo e Luxor.

 

Gostou das sugestões de o que fazer no Egito? Eu voltaria pra lá AGORA para visitar todas as que não visitamos, com certeza. 😉


VOCÊ PODE GOSTAR

Veja também

Bate-e-volta: de Sharm el Sheikh ao Cairo, Egito

Sharm el Sheikh, Egito

Viagem para o Egito: impressões e dicas práticas

Disqus shortname is required. Please click on me and enter it

LEAVE A COMMENT