Tunísia: valeu a pena ou não?
Tunísia

Tunísia: valeu a pena ou não?

Post diretamente do Brasil! 🙂

Bom, Tunísia foi o destino escolhido para Setembro e eu não me lembro muito bem o motivo dessa escolha. Acho que cismei que queria ir pra algum lugar bem diferente, vi algumas fotos bonitas do país e juntou ainda o fato de que lá a gente poderia andar de camelo no deserto + o preço do pacote all inclusive que era absurdamente barato. Lá pra Julho compramos essa viagem e desde então, só ficava contando os dias… Uma pena que voltei pra casa decepcionada, e agora conto pra vocês o por que.

 

bandeira-tunisia

 

O primeiro motivo pra assustar, já foi logo na chegada no aeroporto. Um cara levou a gente até a van do transfer, mal largou a mala no chão e já falou “agora dinheiro pelo meu serviço”. Nós ficamos assustados e com medo, porque realmente parecia um assalto. Achei umas moedinhas na bolsa e o cara ainda achou pouco e reclamou, e isso tudo por ter levado UMA mala até uma van logo na saída do aeroporto! Chegando no hotel, o motorista da van também cobrou dinheiro! Ou seja, você praticamente paga duas vezes por um mesmo serviço! Já vá sabendo que eles cobram gorjeta por absolutamente tudo! Os funcionários do hotel (Riadh Palms Sousse) eram grosseiros e impacientes, só faziam algum “esforço” se percebiam que iriam ganhar alguma coisa em troca. Vou confessar que já na chegada eu fiquei com vontade de voltar pra casa… Antes de ir pra praia, fomos almoçar e mais uma decepção: a comida era horrorosa! Eu li muito antes de ir, que lá era preciso tomar muito cuidado com comida crua e água, então fiquei meio neurada. Aliás, aqui fica a dica: não coma NADA cru e não tome água se ela não estiver em uma garrafa fechada e lacrada (e até elas têm gosto estranho).

 

tunisia-garrafas-rotulos

 

No segundo dia, partimos pro único passeio planejado, uma tour de 2 dias pelo Deserto do Saara. Falo tudo sobre o passei no post O Deserto do Saara de Star Wars na Tunísia.

 

Até na praia passavam camelos no fim do dia!
Até na praia passavam camelos no fim do dia!

 

Em um dos dias resolvemos ir para Sidi Bou Said por conta própria (nós ficamos em Sousse), e para isso, teríamos que ir até Tunis de trem e pegar um taxi de lá… Não gosto nem de lembrar dessa experiência traumatizante. Só digo o seguinte: não vá à Tunis! Além de ser uma cidade feia, é perigosa! E se for, tome MUITO cuidado com os espertinhos que te “assaltam” sem você perceber. Quando eu digo “assalto”, é porque eles vão chegando, te ajudam, te levam a algum lugar e no fim, te cobram muito dinheiro ou te fazem comprar algo que você não quer e não precisa, mas fica com medo de recusar. Conclusão da história: não conseguimos sair de Tunis e eu nunca cheguei a Sidi Bou Said (que eu queria muito ter visto), porque sofremos esse assalto disfarçado. Se não fosse uma moça pra dar dinheiro pra gente comprar a passagem de volta, acho que estaríamos em Tunis até agora!

 

Deserto do Sahara (Saara).
Deserto do Sahara (Saara).

 

Dica valiosa: antes de pegar um taxi (que é muuuito barato), negocie o valor da corrida. Antes mesmo de sentar, já pergunte qual vai ser o valor, senão eles te cobram o que vier na cabeça deles e você nem vai poder contestar. Os valores não são fixos, e se algum taxista cobrar demais, tente falar com outro. Na verdade tente negociar qualquer coisa em qualquer barraquinha de artesanato ou o que for, só não vale tentar negociar dentro de restaurantes, por exemplo.

 

Praia de Sousse: uma das poucas coisas boas da viagem.
Praia de Sousse: uma das poucas coisas boas da viagem.

 

Então é isso… Detestei as pessoas, achei as cidades muito feias, a comida era ruim e eu não me senti à vontade. Não recomendo muito a viagem e não volto à Tunísia nem de graça! A única coisa que salvou foi a excursão pelo Sahara, os camelinhos fofos e vários gatinhos lindos que nós achamos no hotel e a praia. Só lembro que essa é a minha opinião e que, obviamente, milhares de outras pessoas já foram e devem ter gostado… Infelizmente não foi o meu caso (e do meu marido, que também detestou). Que nós tivemos momentos inesquecíveis lá é inegável, mas mesmo assim não entrou pro meu TOP de viagens preferidas. =/

 

Eu e o André dando mamadeira pra um camelo fofo!
Eu e o André dando mamadeira pra um camelo fofo!

 

HOTEL NA TUNÍSIA

Riadh Palms Hotel

Primeira experiência “all inclusive” e só porque a gente viu antes que não era recomendado comer na rua na Tunísia… Apesar de não ter passado mal, a comida do hotel também não me pareceu muito bem feita, não. Não era gostoso, apesar de ter muita opção de escolha. O mais impressionante é que até as bebidas eram horrorosas!

O atendimento foi ruim, funcionários extremamente grosseiros (como todo mundo na Tunísia) e se não fosse o fato de o hotel ter um pedaço da praia exclusivo – e diga-se de passagem, a praia era uma delícia -, uma piscina mega gostosa e vários gatinhos espalhados pelo local, nossa viagem teria sido um total desastre.

Veja também

O Deserto do Saara de Star Wars na Tunisia

Disqus shortname is required. Please click on me and enter it

06 Comments

  1. simone frattini

    OI! achei bem interessante seu post sobre a Tunisia. Eu fui a Túnis, mas foi em uma excursão fechada, do navio em que eu estava, então talvez por isso minha experiência tenha sido tranquila e boa.

    01/08/2014 Responder

LEAVE A COMMENT

Close