Viajar para Tunísia é perigoso? Vale a pena ou não?
Tunísia

Viajar para Tunísia é perigoso? Vale a pena ou não?

Tunísia foi o destino escolhido para Setembro e eu não me lembro muito bem o motivo dessa escolha. Acho que cismei que queria ir pra algum lugar bem diferente, vi algumas fotos bonitas do país e juntou ainda o fato de que lá a gente poderia visitar deserto do Sahara + o preço do pacote all inclusive que era absurdamente barato.

Lá pra Julho compramos essa viagem e desde então, só ficava contando os dias… Uma pena que voltei pra casa decepcionada, e agora conto pra vocês os motivos, além de talvez esclarecer um pouco uma dúvida bastante frequente: viajar para a Tunísia é perigoso? Lembre-se que esta foi a NOSSA experiência e que nos comentários é possível ler relatos de outras pessoas. 🙂

 

+ LEIA MAIS: Viajar para a Tunísia: as melhores praias e hotéis

 

Viajar para Tunísia é perigoso

 

O primeiro motivo pra assustar, já foi logo na chegada no aeroporto. Um cara levou a gente até a van do transfer, mal largou a mala no chão e já falou “agora dinheiro pelo meu serviço”. Nós ficamos assustados e com medo, porque realmente parecia um assalto. Achei umas moedinhas na bolsa e o cara ainda achou pouco e reclamou, e isso tudo por ter levado UMA mala até uma van logo na saída do aeroporto!

Chegando no hotel, o motorista da van também cobrou dinheiro! Ou seja, você praticamente paga duas vezes por um mesmo serviço! Já vá sabendo que eles cobram gorjeta por absolutamente tudo. Os funcionários do hotel (Riadh Palms Sousse) eram grosseiros e impacientes, só faziam algum “esforço” se percebiam que iriam ganhar alguma coisa em troca. Vou confessar que já na chegada eu fiquei com vontade de voltar pra casa…

Antes de ir pra praia, fomos almoçar e mais uma decepção: a comida era muito ruim! Eu li muito antes de ir, que lá era preciso tomar muito cuidado com comida crua e água, então fiquei meio neurada. Aliás, aqui fica a dica: não coma NADA cru e não tome água se ela não estiver em uma garrafa fechada e lacrada (e até elas têm gosto estranho).

 

tunisia garrafas-rotulos

 

No segundo dia, partimos pro único passeio planejado, uma tour de 2 dias pelo Deserto do Saara. Falo tudo sobre o passei no post O Deserto do Saara de Star Wars na Tunísia.

 

Viajar para Tunísia é perigoso
Até na praia passavam camelos no fim do dia!

 

Em um dos dias resolvemos ir para Sidi Bou Said por conta própria (nós ficamos em Sousse), e para isso, teríamos que ir até Tunis de trem e pegar um taxi de lá… Não gosto nem de lembrar dessa experiência traumatizante. Além de ser uma cidade feia, é perigosa! Tome MUITO cuidado com os espertinhos que te “assaltam” sem você perceber. Quando eu digo “assalto”, é porque eles vão chegando, te ajudam, te levam a algum lugar e no fim, te cobram muito dinheiro ou te fazem comprar algo que você não quer e não precisa, mas fica com medo de recusar.

Conclusão da história: não conseguimos sair de Tunis e eu nunca cheguei a Sidi Bou Said (que eu queria muito ter visto), porque sofremos esse assalto disfarçado. Se não fosse uma moça pra dar dinheiro pra gente comprar a passagem de volta, acho que estaríamos em Tunis até agora!

 

Viajar para Tunísia é perigoso
Deserto do Sahara (Saara).

 

Dica valiosa: antes de pegar um taxi (que é muuuito barato), negocie o valor da corrida. Antes mesmo de sentar, já pergunte qual vai ser o valor, senão eles te cobram o que vier na cabeça deles e você nem vai poder contestar. Os valores não são fixos, e se algum taxista cobrar demais, tente falar com outro. Na verdade tente negociar qualquer coisa em qualquer barraquinha de artesanato ou o que for, só não vale tentar negociar dentro de restaurantes, por exemplo.

 

tunisia
Praia de Sousse: uma das poucas coisas boas da viagem.

 

Então é isso… Detestei as pessoas, achei as cidades muito feias, a comida era ruim e eu não me senti à vontade. Não recomendo muito a viagem – pelo menos não tão despreparado como nós fomos – e não volto à Tunísia nem de graça! A única coisa que salvou foi a excursão pelo Sahara, os camelinhos fofos e vários gatinhos lindos que nós achamos no hotel e a praia. Só lembro que essa é a minha opinião e que, obviamente, milhares de outras pessoas já foram e devem ter gostado… Infelizmente não foi o meu caso (e do meu marido, que também detestou).

Que nós tivemos momentos inesquecíveis lá é inegável, mas mesmo assim não entrou pro meu TOP de viagens preferidas. Viajar para Tunísia é perigoso? Para nós, a impressão que ficou é que é… mas nos comentários mesmo vocês podem ver outras opiniões. 😉

 

Viajar para Tunísia é perigoso
Eu e o André dando mamadeira pra um camelo fofo!

 

HOTEL NA TUNÍSIA

Riadh Palms Hotel

Primeira experiência “all inclusive” e só porque a gente viu antes que não era recomendado comer na rua na Tunísia… Apesar de não ter passado mal, a comida do hotel também não me pareceu muito bem feita, não. Não era gostoso, apesar de ter muita opção de escolha. O mais impressionante é que até as bebidas eram horrorosas!

O atendimento foi ruim, funcionários extremamente grosseiros e se não fosse o fato de o hotel ter um pedaço da praia exclusivo – e a praia era uma delícia -, uma piscina mega gostosa e vários gatinhos espalhados pelo local, nossa viagem teria sido um total desastre.

Uma opção que parece ser bem melhor é o hotel Sousse Pearl Marriott Resort & Spa. Caso queira conhecer todas as opções disponíveis, veja AQUI.

Veja também

O Deserto do Saara de Star Wars na Tunisia

Disqus shortname is required. Please click on me and enter it

17 Comments

  1. simone frattini

    OI! achei bem interessante seu post sobre a Tunisia. Eu fui a Túnis, mas foi em uma excursão fechada, do navio em que eu estava, então talvez por isso minha experiência tenha sido tranquila e boa.

    01/08/2014 Responder
  2. Fernando jorge teixeira magalhaes

    Ola boa noite , eu gostaria de saber qual o preco para andar de camelo e moto4 em madhia se alguem me puder ajudar ?
    Obrigado

    09/05/2018 Responder
  3. Tanya ferreira

    Gostaria de conhecer pessoas que more na tunisia

    26/12/2018 Responder
  4. Talita de Paula Martins Chaves

    Gostaria de saber se é tranquilo para mulheres usar trajes de banho e se tem alguma restrição para roupas, se o país é mais restritivo para nossas vestimentas “latinas”.
    Talvez eu vá em junho e estou um pouco apreensiva.

    16/01/2019 Responder
    • Luiza Ferrari

      Talita,

      dentro dos resorts, nas praias privativas, é normal usar trajes de banho.
      Dizem ser mais complicado se vc for em praias fora dos resorts, mas como eu não fui, não sei te dizer com certeza.
      E sim, é bom usar roupas mais comportadas, que escondam seios e pernas na rua.

      31/01/2019 Responder
  5. Patrícia Costa

    Boa noite! Compartilho da sua opinião, estive lá em 2013 ,apenas algumas horas pois estava a fazer um cruzeiro e tínhamos paragem lá.As ruas são muito sujas, a medina horrorosa não gostei do guia porque fiquei com muito má impressão dele, disse que o ponto de encontro eraem determinado sítio e nunca mais aparecia, decidi ir ao sítio por onde entrámos e lá estava o filho da mãe, fiquei com a sensação que ele tinha “planos” para duas mulheres sozinhas num país árabe . Tive sorte. Apenas ponho a hipótese para ir a Djerba por causa da praiae ser barato e mesmo assim não sei , acho que não sairia do hotel que teria que ser de 4 estrelas para cima.

    25/03/2019 Responder
    • Luiza Ferrari

      Ai, credo… a gente tb passou maus momentos com guia que foi se enfiando em becos com a gente, viu. No fim levou a uma loja e meio que obrigou a gente a gastar. A gente não tinha muito dinheiro e ele foi obrigando a gastar tudo. Ficamos sem grana pra voltar pro hotel e uma estranha deu dinheiro pq me viu desesperada, como contei no post.
      Tunísia NUNCA mais!

      09/04/2019 Responder
  6. mariluci jung

    Olá!
    Causa-me estranheza sua experiência.
    Estive na Tunísia três vezes.
    Em todas fiz excelente viagem.
    As cidades são lindas, há de se ter um bom guia, que leve às ruínas e fale com conhecimento.
    Cartago é imperdível, assim com Sousse, Douga e Sid Vou Sair.
    Hammamet e Nabul.
    Consultem Um Guia em Tunes no Facebook.

    09/09/2019 Responder
    • Luiza Ferrari

      Cada um tem uma experiência em viagens mesmo, nunca são iguais.
      Muitas pessoas detestam Londres e eu não consigo entender como, por exemplo… muita gente tem experiências negativas em locais que eu amo e nunca tive problemas. Acontece, né.

      Não pretendemos voltar lá, mas se voltarmos vamos olhar um guia COM CERTEZA! Obrigada 🙂

      11/09/2019 Responder
  7. Paulo Fernandes

    As mentes fechadas não deveriam ter a pretensão de se julgarem interessantes para serem lidas. Já viajei muitíssimo, mas longe do que gostaria de ter feito. Amaria conhecer cada palmo desta terra. E, simplesmente, voltaria a todos os lugares onde estive. Uns por serem belos, outros por serem feios. Uns por serem ricos, outros por serem pobres. Uns por serem quentes, outros por serem frios. Uns por tudo e outros por alguma coisa, enfim. Em todos eles, aprendi. Muitas vezes, identifiquei-me e replico de algum modo em cada dia. Outras vezes, aprendi como não ser, como não fazer. Em todos os casos, cresci. A Tunísia é agora ainda mais um objetivo. Até já.

    02/05/2020 Responder
    • Luiza Ferrari

      Que bom, Paulo. E que bom que cada um é de um jeito e aqui eu dou a minha opinião sobre as experiência de viagem que eu tive, não é.
      Espero que para você seja uma viagem boa, sem medos e sem você sentir que corria riscos de vida.
      Até

      29/06/2020 Responder
  8. Cecilia

    Já eu, cheguei em Tunis e logo quando peguei o táxi já gostei do motorista. Chegando no hostel a mesma coisa. Dia seguinte tive que ir procurar um caixa eletrônico e comprar chip de internet e por mais que ninguém falasse inglês, todos tentaram me ajudar. 25Gigas de internet me custou €9. Depois fui numa lanchonete e gastei menos de €2 pra comer um sanduíche vegano + água. Aí fui pra uma estação de van para ir pra outra cidade, achei rapidinho e logo entrei na van, paguei €6. É a “cidade grande” por tanto ela acaba sendo mais bagunçada mesmo, bastante gente é muito tráfico. Esse tipo de scam com turista é muito comum e é normal quem é de cidade pequena ou não está acostumado a fazer viagem low cost acabar caindo. É chato mesmo, mas assim a gente já aprende que a melhor opção é fazer tudo sozinho e manter a postura quando esse tipo de coisa acaba acontecendo pra não ter que ceder à esse tipo de situação(aconteceu comigo já no Marrocos). Inclusive só tenho a agradecer pq tanto no Marrocos quanto aqui na Tunísia só tenho conhecido pessoas incríveis, muito gentis e solícitos. Um país cheio de beleza e extremamente barato de viajar. Será que se você pudesse voltar com o conhecimento que tem agora e fazer melhores escolhas sua experiência talvez não se torne inesquecível(num bom aspecto)? Não desiste não!!!

    04/02/2023 Responder
    • Luiza Ferrari

      Cecília, primeiramente muito obrigada por compartilhar sua experiência. Segundo, OBRIGADA de coração pela educação ao fazer um comentário ao se deparar com uma opinião contrária. Quase sempre as pessoas esquecem que aqui eu falo sobre as MINHAS experiências e acabam comigo quando o que eu digo não é o que eles pensam, então muito obrigada!
      Com certeza nós aprendemos demais e não repetiríamos os erros bestas que cometemos, mas quanto a voltar lá… 😉

      05/02/2023 Responder
  9. Teresa

    Cecília falou em caixa electrónica para levantar dinheiro? Em que local comprou seu chip para internet? Muito grata

    24/08/2023 Responder
  10. Daniel Johannes

    Quanto vc e Andre pagaram para dar bebida ao camelo?! Rs Eu vivenciei quase tudo isso na primeira vez que fui a Marrakesh. Desde taxi, scam de guia fake, etc. Ate intimado a pagar €50 por tattoo de henna che eu nao queria eu fui intimado (nao paguei). Isso foi em 2015. Em dezembro de 2022 dei outra chance MAS pq gostei muito da cidade e dps de aprender os truks achei que poderia ser melhor, e foi!!! O por do sol, muitas pessoas boas, app de taxi estilo Uber que n me fez brigar por corrida, ficar em bairro de grande qtidades de turistas (Hivernage) e poder fazer muita coisa a pé + hotel 5 estrelas foi o diferencial… Conto tufo isso pois me identifiquei MUITO com seus relatos e Tunis esta ha anos na minha bucket list. Obrigado pelas preciosas dicas.

    20/10/2023 Responder
    • Luiza Ferrari

      Nossa, não lembro… fomos em 2012!
      Nós não pretendemos dar outra chance, não (e também não temos vontade nenhuma de ir a Marrakesh, hahaha).
      Obrigada pelo seu relato 😉

      24/10/2023 Responder

Deixe uma resposta


VOCÊ PODE GOSTAR